Alerta de SMS: Refinaria Abreu e Lima expõe trabalhadores a Riscos graves e iminentes à vida

20170417_222948
O DESCASO com a segurança e com a vida dos trabalhadores é a “Regra de Ouro” praticada pelos gestores da Refinaria Abreu e Lima. Os trabalhadores estão sendo expostos a Riscos Graves e Iminentes à vida.
 
Desde o dia 11/04/17, foi identificado um grande vazamento de gás hidrogênio na carcaça do compressor C-31001 da U-31 (Unidade de Hidrotratamento de Diesel). Através das medições realizadas pelo SMS, foi constatada a presença de 99% de atmosfera inflamável, além de grandes concentrações do letal gás sulfídrico (H2S), Monóxido de Carbono (CO) e Compostos Orgânicos Voláteis. Mesmo assim, a decisão gerencial foi para que o equipamento continuasse em operação, violando o próprio Código de Ética da Petrobras.
 
E esse vazamento continua aumentando. No último fim de semana foi aumentado o raio de isolamento pois a concentração de monóxido de Carbono (CO) já estava em 350ppm e a de H2S em 3ppm na área de circulação dos trabalhadores.
 
Limite máximo tolerável de exposição de H2S: 8ppm
 
Todos sabem, que nessas concentrações, basta o vazamento alcançar uma fonte de ignição para que ocorra um incêndio e/ou explosão. Mesmo assim os técnicos de segurança estão sendo assediados pelo gerente de SMS/SI a realizarem avaliações ambientais e liberações de serviço dentro da nuvem de gás inflamável, descumprindo os padrões e regras da própria empresa.
 

O que está esperando para parar a Unidade e sanar esse perigoso vazamento?

 

O Sindipetro PE/PB deseja que os gestores da refinaria não estejam aguardando um acontecimento de grandes proporções, como a explosão e incêndio numa unidade similar na Refinaria de Pasadena em 2016, para que só então, venham a adotar as ações necessárias à preservação da vida e a saúde da força de trabalho.
 
Trabalhador, o acordo coletivo prevê o Direito de Recusa nas condições em que haja riscos graves e iminentes à vida.Não deixem de preencher o Formulário de Não Conformidade de SMS.
 
Sindipetro PE/PB