Mesmo com assédio à luz do dia, categoria aprova GREVE contra a redução do efetivo.

Pelego_ass23

Não adiantou a tropa de choque da pelegagem descer em procissão para votar.

O que seria só mais uma assembleia de trabalhadores de turno, do Grupo 5 da Refinaria Abreu e Lima, se transformou num show de intimidação e assédio. Gerente Geral, gerentes de produção e RH, coordenadores, cotur, supervisores e demais pelegos constrangidos ocuparam a assembleia dos trabalhadores de turno, no último dia 16 / 06, com o intuito de desmobilizar a categoria.

Praticando assédio moral na frente de todos e sendo repreendido pelo Sindicato, alguns gerentes até que tentaram intimidar a categoria. O que eles não contavam é que os trabalhadores estão unidos contra a redução do efetivo.

 

Quem sempre trabalhou de cabeça erguida, jamais se deixará intimidar por essa turma. Por 156 a 67, os trabalhadores da Refinaria Abreu e Lima aprovaram a GREVE no Refino, acompanhando o cenário nacional de lutas contra o retrocesso.

Tenham honra! Os que desceram para votar contra a greve, devem aceitar a decisão da maioria e aderir a GREVE.

Importante destacar que os que hoje descem constrangidos para votar contra os colegas, amanhã serão os primeiros a sofrer as chicotadas. O mundo dá voltas!

Sindipetro-PE/PB